Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Jornal Online 'efepe' / sindical

Jornal Online 'efepe' / sindical

PUBLICIDADE "ENGANOSA" ... até quando ?

por efepe, em 08.11.16

 

Do comunicado de 07-11-2016,

do SINDEL - Sindicato Nacional da Industria e da Energia,

 

uma "dúvida" e uma "preocupação" se apoderou de mim, ao ler o seguinte: "Porque, enquanto Sindicato mais representativo do Universo dos trabalhadores da EDP" no contexto seguinte:

PublicidadeEnganosa.png

 

 

Ora bem, comecemos pela "NUMERAÇÃO" de Associado do Sindel.

 

Durante o período temporal, de Janeiro de 1983 a Novembro de 2015, período este em que fui o associado nº 5.176 do Sindel, não se registou qualquer processo de "actualização da numeração de associado". Apesar das várias propostas no sentido da "ACTUALIZAÇÃO" dos números de sócios.

 

Por exemplo,

 

Num dos Congressos do Sindel, apresentei uma proposta no sentido da instituição de um prémio para os associados com "25 anos" de antiguidade. A proposta viria a ser chumbada, precisamente devido à dificuldade "descontrolada", com a Numeração dos Associados, e consequentemente, da "medição" temporal da antiguidade de cada associado.

 

 

Naquele mesmo período temporal ...

(de Janeiro de 1983 a Novembro de 2015)

 

um dos maiores índices do "descontentamento" manifestado por muitos e muitos associados, que abandonariam o projecto sindical Sindel, seria devido à "fraca eficácia" do denominado APOIO JURÍDICO.

 

Diga-se que, o "Apoio Jurídico" do Sindel,  sempre foi uma espécie de "Calcanhar de Aquiles", ao longo dos anos que por lá andei.

E, ao que parece, ainda se mantém.

 

 

Por fim,

 

no Boletim Especial  alusivo ao processo negocial da versão do ACT/EDP 2014, a actual liderança bicéfala constituída por José Ângelo Pereira e Rui Miranda, "auto intitularam-se"  como os líderes da negociação colectiva (naquele processo negocial), como se tratasse de um excelente acordo para os trabalhadores em geral.

 

No entanto,

É do conhecimento público ...

 

que, a "má negociação" do Acordo Colectivo de Trabalho do Grupo EDP, tem gerado um enorme "descontentamento" entre o Universo de Trabalhadores da EDP.

 

Nomeadamente, devido á criação de dois universos:

     1. O Universo dos beneficiários do Sistema Sãvida (ou do ACT/EDP2000); e,

     2. O Universo dos beneficiários do Sistema Flex (ou os ex-contratos individuais)

no seio das empresas do Grupo EDP

 

Esta nova realidade laboral, no Grupo EDP, tem provocado "cisões" em muitos Sindicatos (quer nos afectos à UGT, quer nos afectos à CGTP, quer ainda nos Sindicatos Independentes).

 

E, o "nível de dessindicalização" no Grupo EDP, disparou para números nunca anteriormente registados. Ou seja, para um patamar superior aos cinquenta por cento (50%) de "dessindicalizados".

 

 

Pelo exposto ...

 

Apetece-me "questionar"...

(o SINDEL - Sindicato Nacional da Industria e da Energia),

como que se "atreve" - arrogantemente - a qualificar-se como o

Sindicato Mais Representativo ?!

 

E, 

Desafio daqui ...

(o SINDEL - Sindicato Nacional da Industria e da Energia),

a PROVAR PUBLICAMENTE

o seu índice de "representatividade" !!

 

Até lá ...

 

todo o Universo dos trabalhadores da EDP (onde me incluo),

terá todo o direito de pensar que se trata de ...

"Publicidade Enganosa".

 

-----------------------------------------------

Reacções:

-----------------------------------------------

 

(copiado de EDP - grupo secreto)

Ermitao0.png

Ermitao1.png

Ermitao2.png

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Favoritos