Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O MEU "BALANÇO" ...

por efepe, em 27.05.16

DOS PRIMEIROS SEIS MESES DE VIDA DO

Sinovae.png

I

A "acção sindical" Sinovae, no terreno, começaria assim ... 

Começo.png

 

II

Outro dos "focos" que requereu toda a atenção do Sinovae, seria a Eleição dos Representantes de Trabalhadores para as Comissões e Subcomissões de Segurança e Saúde no Trabalho, em dez empresas do Universo EDP, e cujos actos eleitorais se realizaram no dia 15 de Fevereiro de 2016.

O Sinovae apresentaria quatro candidaturas, sob o lema "Interagir em Segurança". Tendo sido atribuida a Letra E às candidaturas. 

Do comunicado do dia 29 de Janeiro de 2016, importa extrair o seguinte:

ExtractoComunicado29012016.png

 III

A partir de Janeiro de 2016 e até Abril de 2016, a atenção do Sinovae focalizar-se-ia na "Negociação Colectiva". Mais concretamente, no processo negocial da Tabela Salarial e Cláusulas de Expressão Pecuniária, a vigorar entre 01 de Janeiro de 2016 e 31 de Dezembro de 2016, no Universo da EDP, na sua geografia de Portugal.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:56

 Quanto ao serviço de "Processamento de Salários" ...

 

InqueritoGlobalSatisfação.png

há "preceitos legais" que não estão a ser cumpridos. Porventura, pela não renovação de pessoal "especializado" na matéria. E, também, pela "terceirização" do serviço ("Processamento de Salários").

 

Pelo que, mês após mês, os "erros" e os "lapsos" com os Salários dos trabalhadores do Universo EDP tornaram-se "recorrentes".

E, sem qualquer fim à vista. Essencialmente, face à "permissão" por parte das estruturas representativas de trabalhadores, que nada tem feito para alterar uma situação "ilegal".

 

Daí que,

 

todos os meses, não seja já estranho que hajam trabalhadores a "INDIGNAREM-SE" ... por a sua empresa "mexer no salário", sem "serem ouvidos, nem achados" no desconto de um determinado valor salarial.

 

Importa evidenciar que, por imperativo da lei portuguesa, a entidade patronal está "impedida" de proceder a qualquer desconto no salário do trabalhador, sem a audição prévia do mesmo. Mas, este "preceito legal" deixou de ser cumprido, no Universo EDP.

 

Em suma,

 

as actuais prárticas da EDP Valor (empresa a quem foi cometida a competencia de desempenhar o serviço de "processamento de salários" do Grupo EDP), "impede" qualquer trabalhador do Universo EDP, de fazer uma gestão correcta do seu salário, e/ou de gerar qualquer tipo de expectativas, pelo simples facto de desconhecer, se o seu RENDIMENTO vai ser "cortado" ou não, no final de cada mês.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:50

 

 

 

Protocolo0.png

 

 

 Correio electronico de terça-feira, 19 de Janeiro de 2016 13:00

(do Subdiretor para as Equipas de Operação)

Meus Caros

Finalmente ficou encerrado processo das horas de trabalho, tendo sido decido manter um horário de 40 horas.

Por esse motivo não irá ser constituída a sexta equipa de operação.

O protocolo em anexo já se encontra acordado com os sindicatos e em principio, a compensação financeira relativa ao ano 2015, será processada durante o primeiro trimestre deste ano.

Estou disponível para qualquer questão.

Cumprimentos

Protocolo1.png

Protocolo2.png

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:59


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D