Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




EDP - O PAE 2018 (3)

por efepe, em 27.11.18

fcp.png

 

Em continuação do debate de ideias, sobre a temática: 

EDP - O PAE 2018

começado no EDP - O PAE 2018 (1) através do link ...

https://jornalonlineefepe-sindical.blogs.sapo.pt/edp-o-pae-2018-109778

continuado no EDP - O PAE 2018 (2) através do link ...

https://jornalonlineefepe-sindical.blogs.sapo.pt/edp-o-pae-2018-2-110122

 

Vejamos agora, a continuação dos diálogos havidos

nas redes sociais (nomeadamente no facebook).

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook do grupo Comunidade EDP)

--------------------------------

EDP - O PAE 2018 (1).png

(Fernando Pêgas - 26-11-2018 17:47)

 

--------------------------------

 

conheço 2 colegas que vão agora (PAE) c 54 anos de idade e deram 3 BRs.

(Carlos Marques Pinto - 26-11-2018 17:49)

 

Com 54 anos não podem ir para a pré reforma...... 3 BR não parece exagerado?

(Antonio Carlos Dias - 26-11-2018 17:54)

 

António Carlos Dias pessoal do Barreiro c anos de casa.

(Carlos Marques Pinto - 26-11-2018 17:55)

 

Mesmo com antiguidade na empresa, idade <55 anos insere-se na antecipação à pré reforma, onde não existe qualquer benefício para a empresa e colaborador, a nivel de Segurança Social.

O colaborador está dispensado de comparecer ao serviço, deixando de receber subsídio de alimentação, prémio e complemento de assiduidade.

Não existirá a hipótese de ser 3 anos de antiguidade para poderem passar à situação de pré reforma?

(Antonio Carlos Dias - 26-11-2018 18:03)

 

--------------------------------

 

Meu caro Carlos Marques Pinto, permita-me que não acredite na passagem à pré-reforma com 54 anos de idade. Tanto quanto sei, a abordagem da empresa, é a partir dos 58 anos. E quanto às 3 BRs ... Acredito em 3 Vencimentos, e não em 3 BRs. Cuidado, 3 Vencimentos (pagos de uma só vez) não é o mesmo do 3 Bases de Remuneração.

(Fernando Pêgas - 26-11-2018 17:59)

 

Eu fui com 62 anos para a reforma.

(Clemente Oliveira - 26-11-2018 17:59)

 

Mas cada ano seu de trabalho, valia por 5 dos outros. Isto é verdade. Não há ninguém que o negue na EDP-Barcelos. Ze Miranda

(Jose Miranda - 26-11-2018 19:01)

 

Amigo Pegas, eu vim com 53 ou 54. Só não me deram nada de bônus. Ze Miranda

(Jose Miranda - 26-11-2018 19:05)

 

--------------------------------

 

eu fui com 55 anos

(Alfredo Alfredo - 26-11-2018 18:00)

 

Alfredo Alfredo com 55 anos já acredito, porque é a idade-chão para a passagem à pré-reforma.

(Fernando Pêgas - 26-11-2018 18:00)

 

Fernando Pegas eu fui com 55 anos e 30 de casa e assinei os papeis para a pré reforma até aos 65 agora a reforma é aos 66 e quatro meses não sei como vai ser fiz 64 agora

(Alfredo Alfredo - 26-11-2018 18:07)

 

amanhã conto a história c mais detalhes.

(Carlos Marques Pinto - 26-11-2018 18:13)

 

--------------------------------

 

Uff! Começo a ficar deprimida😭

(Maria Manuela Lima - 26-11-2018 18:10)

 

--------------------------------

 

Conheço quem foi para a pré reforma aos 53/54, mas acho que foi mesmo com os 53 anos de idade.

(Abilio Guedes - 26-11-2018 18:23)

 

Com a idade que refere obrigatoriamente tinha de ter 40 anos de antiguidade na EDP, sendo uma reforma antecipada (ACT 2000). Nesta stuação, os descontos para a SS, quer a nível de empresa, quer do colaborador mantiveram-se iguais como se estivesse ao activo. Quando atingiu os 55 anos foi elaborado um acordo de pré reforma, a fim de benefeciar das respectivas taxas de segurança social existentes na altura.

(Antonio Carlos Dias - 26-11-2018 18:32)

 

António Carlos Dias , pois mas não tinha, mas tinha bons amigos políticos e resolveu. Até que agora sente que vai ser mais penalizado, mas foi antes dos 55 , isso eu sei e menos de 40 anos de serviço. Fiquei surpreendido mas aconteceu já há uns anos

(Abilio Guedes - 26-11-2018 18:37)

 

Acho que ainda não está com a reforma mas não deve faltar muito

(Abilio Guedes - 26-11-2018 18:39)

 

Abílio Guedes, não duvido do que refere. Custa-me a acreditar que tenha acontecido pelas razões que menciona.

(Antonio Carlos Dias - 26-11-2018 18:41)

 

António Carlos Dias , verdade não quer meter o nome porque será deselegante da minha parte, mas é meu vizinho , sei quando entrou , o que fazia , depois quando a empresa acabou com a lógica ,, ele não quis ir para longe e utilizou amigos e arranjou ,, também me surpreendeu, mas foi

(Abilio Guedes - 26-11-2018 18:44)

 

Abílio Guedes, não interessa saber de quem se trata, mas sim tentar perceber como aconteceu. Relembro que no ACT 2000 existia uma figura - Reforma Antecipada por Acto de Gestão, que foi aplicada pela Empresa em pouquissimas situções. Talvez seja uma delas.

(Antonio Carlos Dias - 26-11-2018 18:46)

 

António Carlos Dias , ora pode ter sido esse caso, mas é uma realidade , o colega está vivo , era da distribuição zona Norte ,, e acho que ainda não está reformado, mas deve de estar na queima mesmo

(Abilio Guedes - 26-11-2018 18:48)

 

--------------------------------

 

Pelos comentários anteriores parece que há rifas para sortear a passagem à situação de reforma. Trata-se de uma negociata pouco clara com o propósito de reduzir aos n° de "velhotes" na empresa.

(Joaquim Guimarães  - 26-11-2018 18:42)

Já não é de agora....🤐

(Maria Manuela Lima  - 26-11-2018 18:45)

 

Mais...os velhotes em média têm BR e Antiguidades mais elevadas e normalmente estão sindicalizados! Coisa que a maioria dos trabalhadores mais jovens não tem.

(Joaquim Guimarães  - 26-11-2018 22:40)

 

--------------------------------

 

Não há "negociata" nenhuma,

há é a "uilateralidade" e ou a "imposição" do Grupo EDP, e a "inacção" e ou o "silêncio" dos sindicatos. E, consequentemente, há o abandono dos trabalhadores à sua "sorte". Este é o "desenho actual" no Grupo EDP.

(Fernando Pêgas  - 27-11-2018 00:15)

 

Pois amigos e colegas, tenho 62 anos, 37 de EDP, e 48 anos de descontos e continuo na pré reforma

(Fernando Rito  - 27-11-2018 09:44)

 

--------------------------------

 

Fernando Pegas Pelos comentários que já há dias aqui vão colocando, nesta quase sessão de esclarecimento, sobre a idade e as condições de passagem à reforma ou pré reforma, a mim, leva-me a concluir a enorme falta de informação e desacerto sobre matéria tão importante.

Há aqui colegas muito bem informados e que têm esclarecido bem ( como o sr Antonio Dias e o Pegas), mas...há colegas que mesmo assim, continuam com dúvidas.

Dá a entender, que continua a "vigorar" o mesmo que sucedeu em 2001/2003🤔 embora as condições tanto da SS como da Empresa sejam agora diferentes.

Foi essa a altura do meu processo e continuo a pensar que, as coisas se processam bem, ou com sucesso, quando na nossa frente está um colega rh esclarecedor, atento e sobretudo "ao lado trabalhador " e a zelar pelo seu bem estar para o resto da vida. Se pelo contrário, da parte do rh está alguém que se está "borrifando" para o trabalhador, mas, que por uma questão instituicional, o trabalhador confia...o processo, pode então, não sair de forma igualitária em relação a outros colegas.

É caso para dizer, infelizmente, que é preciso ter sorte com quem vai tratar do assunto e...depois de assinado, morre assim. A situação parece-me grave e noto uma certa angústia e falta de informação nalguns comentários.

Volto a dizer.." Estou a ficar deprimida porque ao fim de tantos comentários, os que estavam com dúvidas, continuam. 😭. Porque será?

(Maria Manuela Lima  - 27-11-2018 10:15)

 

Verdade amiga Maria Manuela Lima.

A falta de informação (devido ao "afastamento" dos sindicatos) e a falta de esclarecimento (por parte dos recursos humanos), leva a situações de ANGUSTIA, de "BULLING" e outras situações afins.

Por tudo isto é que eu digo que se trata de um "JOGO SUJO".

Os PAE's, que em vez de serem Plano de Ajustamento de Efectivos são verdadeiros Processos de "Afastamento" de Efectivos, a qualquer preço. Simplesmente, LAMENTÁVEL e VERGONHOSO.

(Fernando Pêgas  - 27-11-2018 10:55)

 

Fernando Pegas Infelizmente chego à constatação de que depois destes anos, pouco ou nada mudou.

(Maria Manuela Lima  - 27-11-2018 11:21)

 

Não concordo Maria Manuela Lima.

Mudou sim. MUDOU PARA PIOR.

Hoje em dia "MALTRATA-SE" trabalhadores, reformados e pensionistas EDP, a um nível bastante elevado. Que não tem "comparação" com outros tempos. A "GANÂNCIA" de "roubar" ao trabalhador edp, ao reformado edp e ao pensionista edp, para ir entregar ao accionista edp, nunca atingiu o nivel que hoje se verifica e constata a "olho nu". Não, não estou a "exagerar".

(Fernando Pêgas  - 27-11-2018 11:33)

 

--------------------------------

 

tenho muita pena mas confirmo a noticia. (c pequena correcção) 2 BRs + 3 vencimentos e deram mais duas anuidades e 54 anos de idade. Foram duas pessoas.

(Carlos Marques Pinto - 27-11-2018 16:21)

 

Carlos Marques Pinto as pessoas trabalharam em turnos ?

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 16:45)

 

Fernando Pegas não.

(Carlos Marques Pinto - 27-11-2018 19:41)

 

--------------------------------

 

Será que não há matéria para um "caso de polícia? 

🤔Uns vêm com uma coisa e outros com outra... Ou falha aqui alguma coisa ou há algo de errado...🤔

(Maria Manuela Lima  - 28-11-2018 07:59)

 

Os "comportamentos" da EDP (ao estabelecer "unilateralmente" a idade de 58 anos como idade-chão do universo de trabalhadores a contactar, e a "sedução" dos mesmos com a oferta de uma Base ou Letra de Remuneração e de Três Vencimentos, sem qualquer informação ou comunicação oficial ou oficiosa, que regra geral conduz a situações de "assédio" e de "bulling", também regra geral "silenciados"), dos Sindicatos (à falta de respeito ao regulado e regulamentado no ACT/EDP), e da própria Comissão de Trabalhadores (no que diz respeito à falta de fiscalização dos Actos de Gestão da EDP), na minha perspectiva, estão a "roçar" a FRAUDE.

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 12:40)

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook do grupo Comunidade EDP)

--------------------------------

EDP - O PAE 2018 (2).png

(Fernando Pêgas - 26-11-2018 18:34)

 

--------------------------------

 

Noto que vive-se muito de palpites e conceitos deformados.

(Joaquim Guimarães - 26-11-2018 18:34)

 

O que importa mesmo É O DIÁLOGO. Em contraponto com o SILÊNCIO de quem deveria ESCLARECER e INFORMAR.

(Fernando Pêgas - 26-11-2018 23:01)

 

--------------------------------

 (copiado do Blog Jornal Online 'efepe' / sindical)

--------------------------------

Anonimo1.png

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook de Fernando Pêgas)

--------------------------------

SIEAP.PAE.png

https://sabiasque.pt/trabalho/legislacao/2543-lei-n-73-2017-12-alteracao-ao-codigo-do-trabalho-prevencao-da-pratica-de-assedio.html

https://drive.google.com/file/d/1ia9gOLDPR9rUpeKhgKxpoNCuI-ur_mez/view

https://drive.google.com/file/d/1-akho4DXhaTGhUF76kfjNeyE-Q8VEsjb/view

https://drive.google.com/file/d/1f7rsZSeniL6lE9kbOcXZPDKMg8qvmaSw/view

 

O MEU APLAUSO AO SIEAP !!!

- Pela simples razão de ter sido o único sindicato a cumprir com a verdadeira "essência" do Movimento Sindical, que é Esclarecer e Informar.

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 00:08)

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook de EDPiando)

--------------------------------

EDPiando1.png

(EDP iando - 27-11-2018 00:04)

 

--------------------------------

 

Que pena este alerta ter chegado tarde para mim...😢

(Maria Manuela Lima - 27-11-2018 09:47)

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook de Fernando Pêgas)

--------------------------------

Anularem-se.png

A Frente Energia CGTP (liderada pela Fiequimetal)

e a Frente Sindical UGT (liderada pelo Sindel)

"ESTÃO DESAPARECIDOS" E "NÃO CONECTADOS"

com o radar do Movimento Sindical do Grupo EDP,

desde o principio do mês de Outubro passado.

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 00:31)

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook do grupo Comunidade EDP)

--------------------------------

Anularem-se1.png

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 00:31)

 

--------------------------------

 

O Antônio Costa consegue fazer o mesmo que a empresa faz a alguns sindicalistas.

No governo o PS faz que dá muita importância ao BE e só PCP, mas só quando precisa deles ....

Na EDP é igual porque existe sempre alguém que se deixa levar por promessas e palavras mansas..

(Castro Ferreira - 27-11-2018 09:47)

 

--------------------------------

 

Verdade Castro Ferreira, e NÃO HÁ QUALQUER TIPO DE MOVIMENTAÇÕES para alterar o que quer que seja, no que diz respeito ao Movimento Sindical do Grupo EDP.

 

É esta "PAZ PODRE" que está cada vez mais "forte", que irá entregar a competência de regular e regulamentar a actividade laboral das empresas do Grupo EDP, através de Actos de Gestão, em vez de Contratação Colectiva.

 

É necessário "apontar" o dedo aos culpados: à FIEQUIMETAL e ao SINDEL. Na qualidade de "sindicatos mais representativos", conforme estatuto adquirido com a entrada em vigor do actual ACT/EDP 2014, por "nomeação" dos parceiros patronais.

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 11:09)

 

--------------------------------

 

Meu caro Castro Ferreira, outra matéria que está em cima da Mesa das Negociações, desde o inicio do mês de Outubro último, e que ainda não se leu ou se ouviu uma palavra dos Sindicatos até ao momento, é sobre o GUIA DO UTENTE SÃVIDA.

 

Sabendo-se que o maior número de Utentes Sãvida já não estão na vida laboral activa, as Direcções Sindicais NADA FIZERAM para auscultar a opinião dos mesmos, prática esta, igual ao que aconteceu aquando do processo negocial que daria origem ao ACT/EDP 2014.

 

Em suma, as Direcções Sindicais "arrogam-se" no direito de decidirem por todos os trabalhadores, reformados e pensionistas EDP.

Simplesmente VERGONHOSO.

(Fernando Pêgas - 27-11-2018 11:24)

 

--------------------------------

 

Demasiado mau para ser verdade,

estamos abandonados e desmobilizados. A empresa agradece.

(Manuel Luis Sousa - 28-11-2018 19:42)

 

Verdade Manuel Luis Sousa.

Ainda hoje, na qualidade de quarta quarta feira do mês de Novembro, deveria ter havido uma Reunião Plenária, no ambito do protocolo estabelecido para a melhoria do Anexo VIII - Saúde, em conformidade com o anunciado nos ultimos comunicados conhecidos (datados de 4 de Outubro de 2018) sobre a matéria.

E, o Guia do Utente era a primeira matéria a ser abordada.

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 22:34)

 

--------------------------------

 (copiado do Blog Jornal Online 'efepe' / sindical)

--------------------------------

Anonimo2.png

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook de Fernando Pêgas)

--------------------------------

Fiequimetal.png

A Fiequimetal também "alerta" ...

os trabalhadores "sinalizados" pela EDP,

por efeito da Cláusula 117ª do ACT/EDP 2014.

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 12:23)

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook do grupo Comunidade EDP)

--------------------------------

Fiequimetal1.png

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 12:24)

 

--------------------------------

 

O que diz essa cláusula ?

(Maria do Ceu Serafim - 28-11-2018 12:32)

 

 Maria Do Ceu Serafim aqui vai ...

Clausula.117.png

Clausula.117a.png

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 13:23)

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook do grupo Comunidade EDP)

--------------------------------

 

A pedido ...

publica-se a Clausula 117ª do ACT/EDP2014

117.Clausula.png

(Fernando Pêgas - 28-11-2018 13:21)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:11



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D