Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



fcp.png

 

A propósito do Protocolo estabelecido

entre a EDP/Sãvida e a PT/ACS

 

que vigou no âmbito dos Utentes Sãvida adstritos ao Posto Médico EDP na cidade do Porto, e que o Grupo EDP decidiu unilateralmente a colocar-lhe um "ponto final" no dia 31 de Dezembro de 2018,  

 

e tendo em consideração

o pedido de alguns Utentes Savida (que vão interagindo pelas redes sociais, designadamente na Página do Facebook do grupo fechado denominado Comunidade EDP, administrado por mim), no sentido de saber quais os novos procedimentos a vigorar a partir do dia 01 de Janeiro de 2019, 

 

achei por bem

estabelecer alguns contactos com a Sãvida, e em consequência dos contactos, foi possivel elaborar o "Ponto de Situação" seguinte:

 

Estomatologia-Porto.png

No entanto,

Tenho conhecimento, que estão em curso Reuniões Bilaterais entre a Comissão Negociadora do Grupo EDP e as várias Comissões Negociadoras Sindicais.

 

Razão pela qual, poderá ser possível que surjam comunicações ou informações mais esclarecedoras.

 

 

Reacçoes.png

 

--------------------------------

 (copiado da pagina do facebook da Comunidade EDP)

--------------------------------

Estomatologia-Porto1.png

(Fernando Pêgas - 09-01-2019 13:25)

 

--------------------------------

 

Sem comentários amigo Pegas!

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 13:37)

 

--------------------------------

 

Sempre em cima do acontecimento

(Lorena Felgueiras - 09-01-2019 13:53)

 

--------------------------------

--------------------------------

 

Os reformados não têm acesso a essa lista de dentistas.

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 15:05)

 

--------------------------------

 

Verdade amiga

(Fernando Pêgas - 09-01-2019 15:36)

 

--------------------------------

 

Eu já tenho a lista e sou reformado..

(Miguel Mota Magalhaes - 09-01-2019 16:39)

 

--------------------------------

 

Miguel Mota Magalhaes Como tem?

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 16:52)

 

--------------------------------

 

Maria Manuela Lima Fui á Sãvida do Porto e pedi no balcão de atendimento

(Miguel Mota Magalhaes - 09-01-2019 22:03)

 

--------------------------------

 

Miguel Mota Magalhaes Pois! Quem mora fora....

Espero que apareça algum meio mais prático para quem não se desloca. Na nossa empresa agora é " quem quiser bolota, tem de trepar" e às vezes nem assim.

No entanto, muito obrigada pela informação.

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 16:52)

 

--------------------------------

 

Maria Manuela Lima Pois eu moro perto tenho essa vantagem mas penso que deve haver maneira de ter essa lista, não sei se a minha lista é igual para si se for posso enviar uma cópia

(Miguel Mota Magalhaes - 09-01-2019 22:18)

 

--------------------------------

 

Miguel Mota Magalhaes Muito obrigada.

Quando for ao meu posto pergunto se a têm. E como é...

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 22:52)

 

--------------------------------

--------------------------------

 

Os elevados custo em estomatologia

levam a que esta especialidade tenha tendência a desaparecer, quando numa consulta na PT lisboa um médico me disse que ninguém quer trabalhar para a Sãvida com os valores que pagam.

É dos livros que quando se pretende acabar com qualquer coisa se dificulta para justificar os fim.

Lembram-se quando já lá vão uns bons anos recebemos um mapa com as nossas despejas em saúde.

 

Desde sempre eles andaram a fazer contas e a vigiar cada utente.

Muitas histórias se ouviam nos corredores, muita gente dizia que mais tarde iríamos pagar bem caro, agora todos reclamam, mas como tudo na vida agora nem Santa Barbara nos safa.

(Emidio Fevereiro - 09-01-2019 15:48)

 

--------------------------------

 

Emídio Fevereiro 

Eu nunca recebi nada de mapas com os gastos..

 

Antes da mútua alguns tinham tudo o que queriam, depois com a mútua isso foi sendo diferente...

Pela parte que me toca, não tenho pesos na consciência. Só o que foi e é necessário. Só vou ao médico na última...embora agora tenha uma médica fantástica desde que passei para o posto de Vermoim.

Não sou "pesada ", por agora, à Sãvida...Mas quero também, como todos, serviços de qualidade.

 

Quanto aos custos em Estomatologia não sei se os utentes terão a culpa toda...Tive uma situação cá em casa em que o dentista quase sem ver aconselhou uma coroa ou ponte..disso pouco percebo e o assunto foi resolvido num dentista particular em duas consultas sem recorrer à protésica e o dente lá está no sítio quase há um ano...

Ia ficar mais caro à Sãvida e ao utente. Portanto..🤔

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 16:06)

 

--------------------------------

 

Maria Manuela Lima Eu quando fiz a publicação e falei daquilo que sei e só o quanto basta não me dirigi a si.

Como não sou santo também tenho os meus pecados o quais não me isenta na totalidade daquilo que falo.

Eu recebi as minhas despesas de saúde assim como os meus colegas da DODS/CDALMADA em determinada altura.

 

Apontar o dedo seja a quem for,

está fora de causa, respeito a sua justificação mas a minha publicação em nada apontava para que quem quer que seja viesse aqui justificar-se.

Em determinada altura após consultas de estomatologia éramos contactados pela Sãvida para saberem o que foi feito.

Recentemente numa consulta de estomatologia falando no aspecto de controle fui informado de que a Sãvida tem uma empresa especializada contratada para análise dos actos efectuados.

Eu trabalhei em Almada com o Posto Médico no edifico com médicos do quadro da empresa, e era vulgar um trabalhador se chatear e dizer" vou para a baixa" e ia mesmo.

O que eu quero dizer é que se fala só de um lado do problema mas ele tem duas vertentes. Quando ao custo de estomatologia JAMAIS ME REFERI À CULPA POR PARTE DOS UTENTES, o que quis dizer é que os actos em estomatologia são caros NENHUM TRABALHADOR "É PESADO" PARA A SÃVIDA, bem pelo contrário a Sãvida é que está a ser "LEVE" para nós utentes. Sabe que

Na Sãvida têm o controlo total de tudo

o que é prescrito em medicamentos e exames'?

 

Na Minha Unidade de Saúde Familiar tal não existe, existe sim o portal do SNS onde nós registados podemos autorizar e aceder aquilo que está programado.

Os utentes do SNS como no meu caso o meu registo está visivel a nivel nacional, quer em Hospitais, quer em Centros de Saúde. Desconheço se o meu registo na Sãvida é visivel pelo SNS.

Explico em qual quer ponto do pais ou estrangeiro a minha ficha clinica está disponivel para consulta e para mim dá-me a tranquilidade de que numa situação limite possam ter acesso ao meu historial climico. Razão pela qual uso a Sãvida e a minha USFamiliar.

Uma coisa tenho a certeza uma vai ficar neste ou outros moldes, a outra pelos visto não tem melhoras. PORTANTO desde já as minhas desculpas por talvez me ter expressado de forma menos clara.

(Emidio Fevereiro - 09-01-2019 20:07)

 

--------------------------------

 

Emídio Fevereiro Não tem que pedir desculpa.

Falei por mim, mas apenas exemplificando o que se passa com muitos de nós e entendi perfeitamente a sua mensagem. Que também fique claro.

Duvido que o nosso historial clínico na Sãvida esteja na Seg. Social. Era bom que estivesse.

As especialidades que consultamos particularmente, agora nem a ficha clínica nos acompanha.

Levamos apenas a credencial. Vale o que depois transmitimos ao nosso médico assistente e mesmo a medicação prescrita...Podemos omitir alguma coisa...


No meu caso uso apenas o posto da empresa. Cumprimentos.

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 20:46)

 

--------------------------------

 

Maria Manuela Lima, a minha médica da minha USFamiliar me disse "esta é o seu verdadeiro posto médico" e eu sei o porquê de tal afirmação porque é a única porta que eu tenho para todo o SNS.

Consultas externas em hospitais do SNS só a pedido dos "posta da Caixa", depois de lá estarmos dentro saltamos de especialidade em especialidade em conformidade com o parecer médico.

Aqui no Amadora-Sintra assim se passa por experiência de um familiar próximo que se encontra em cinco valências dentro do hospital e tudo tratado internamente.

Quanto a mim tenho esta experiência: Vou a um médico convencionado de especialidade face a uma determinada queixa disse isso não é nada, já lá vão duas vezes. 

Recentemente tive outros sintomas e no Posto da Sãvida após observação detalhada para o sintoma, receitou um medicamento. Até aqui tudo bem. Fui à consulta da minha médica da USFamiliar e a qual em todo o conhecimento de tudo o que faço por fora, mandou-me fazer uma analise.

Posteriormente em face dos resultados analisados, telefonou-me a comunicar tendo em vista o historial das minhas queixas iria discutir o problema com uma colega do grupo de trabalho. passados cerca de 4 horas telefonou-me e comunicou-me que iria ser enviado para uma consulta externa no Hospital porque entenderam que deveria ser feita uma determinada despistagem.

O que eu pretendo dizer é que mais do que uma opinião tiro vantagens, não entro no campo das competências especificas, o que eu sei é que na Sãvida estou limitado no acesso, na USF tenho as portas abertas para.

Penso que grande parte dos nossos colegas trabalha com a Sãvida o o seu posto de caixa, como se diz o seguro morreu de velho. Não existe incompatibilidades no uso dos dois sistemas, o SNS é universal, como tal podemos utilizá-lo como qualquer cidadão.

Esta foi a minha opção já lá vão 6 anos.

(Emidio Fevereiro - 09-01-2019 22:07)

 

--------------------------------

 

Emídio Fevereiro Concordo consigo em tudo o que diz.

No Porto a maior parte de nós tínhamos e temos o posto de saúde da Sãvida que por sua vez estava e creio que ainda está agregado ao posto central do SNS da Batalha-Porto...O meu cartão do SNS diz ainda isso..., mas não tenho conhecimento se ainda lá estamos dado que as instalações da empresa e da Sãvida do Porto também mudaram...

Tudo muito confuso..

Há 4 anos pedi a transf.para o posto da Sãvida em Vermoim nas instalações da Ren, onde moro por ser muito mais perto para me deslocar e nem uso transporte. Daí a minha "exclusividade "

(Maria Manuela Lima - 09-01-2019 22:20)

 

--------------------------------

 

Maria Manuela Lima,

quando da criação da Sãvida

uma das grandes lutas foi precisamente termos a possibilidade de receituário e exames a serem passados nos postos da Sãvida. As" Caixas" na altura não gostaram nada disto, foram obrigadas a aceitar e ficámos com pequenas autonomias. Determinados exames só podiam ser aprovados pela "Caixa" a que o nosso posto estava afecto.

 

Nessa altura não pagávamos taxas moderadoras, as receitas dos particulares eram entregues nos nosso postos para serem reproduzidas em receituário da "caixa", situação muito mal aceite pela classe médica porque se queixavam que aquilo era serviço de escriturário.

 

Em Almada estávamos dependentes dos serviços de Setúbal da "caixa" no que dizia respeito a receituário, vinhetas e impressos para exames. O levantamento era no local , uma vez por mês e em data a marcar. Faziam-no de tudo para dificultar a entrega, mas em contrapartida a distribuição para os Postos da Caixa era assegurado por eles.

 

Com o falecido Dr Ferraz de Abreu e outros nome que me falham muito se deve ao que até hoje nos chegou,

 

O posto de Almada foi encerrado, e por escrito nos comunicaram que era para "salvar " o Posto da 5 de Outubro em Lisboa, e obrigaram os utente de Almada, Seixal, Sesimbra a deslocarem-se a Lisboa.

Quanto ao Posto da 5 de Outubro recuso-me a falar quanto ao atendimento.

 

Já agora resalvo que tenho um bom atendimento em todos os aspecto em Queluz, quanto a Lisboa estive 3 anos sem lá por os pés só para evitar problemas., mas de uma coisa tenho a certeza se tiver que regressar a Lisboa existe uma pessoa que nunca jamais em tempo algum em quem perdi a confiança me tratará da saúde.

(Emidio Fevereiro - 09-01-2019 22:45)

 

--------------------------------

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:20


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D