Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



PrecariosEDP.png

 

Sr. Fernando Pêgas,

se eu me autobiografasse, podia dizer que sempre fui “um miúdo” pacato e sereno que gosta de passar desperecido, e toda a minha vida fui assim.

 

Como qualquer jovem profissionalmente ambicioso, sonhava um dia chegar a uma grande empresa e com 24 anos consegui… cheguei à Edp… mas o sonho virou pesadelo, e vi em mim um sentimento de revolta, dor e impotência que até aqui não conhecia.

 

Agora caminho para os 29 anos, estou onde sonhei, adoro o que faço e adoro os colegas, mas provavelmente vou desistir do sonho Edp… porque perdi a esperança nesta Edp e sinceramente não vale a pena lutar por isto.

 

Como penso que também deve reconhecer, esta já não é a “sua” Edp.

A empresa que se autodenomina justa e solidária não existe, é fachada.

 

Despeço-me, agradecendo a oportunidade que deu para me expressar e acima de tudo por me ouvir.

 

Saudações

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:28



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D