Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




OPA DA EDP AO ACT

por efepe, em 07.06.18

Fcp.png

 

Na reunião plenaria do dia 06 de Junho de 2016,

o SINOVAE manifestou à EDP apenas uma grande preocupação,

a OPA da EDP ao ACT, que está a acontecer.

 

Foi uma bomba que caiu na sala, sendo o SINOVAE o primeiro a falar, e quando a reunião ia acabar depois da informações, que o Miguel Setas transmitiu sobre a OPA, e que a comunicação social melhor tem dado conta, todos se preparavam para sair quando o SINOVAE manifestou a sua preocupação por esta OPA interna, depois quase todos falaram para não estarem calados, mas o que ficou consensuado foi a OPA ao ACT e ponto.

 

OPA DA EDP AO ACT

 

A EDP convocou para hoje uma Reunião, onde fez o ponto da situação da OPA.

Mas, o SINOVAE entende que a maior preocupação é a actual OPA, que a Empresa fez sobre o ACT.

 

Esta OPA tem implicações na outra OPA, que os accionistas chineses pretendem fazer.

Em boa verdade, e numa primeira fase, vejamos a situação actual da contratação colectiva na EDP:

 

- SUBSÍDIO DE ESTUDO PARA DESCENDENTES

 

A EDP deu o seu acordo a uma proposta final de consenso com os Sindicatos, em 9.5.18, na reunião seguinte em 16.5.18 retirou esse acordo.

Isto é mais do que uma OPA preventiva, é um descrédito total na concertação social, logo na paz social, logo na garantia de estabilidade de uma Empresa e numa altura em que decorre o processo de alteração de accionistas.

 

- CAMPOS DE FÉRIAS

 

Unilateralmente a EDP impõem a sua posição de levar ao pagamento dos campos de férias, depois disse que queria chegar a um acordo com valores adequados, e no final, mais uma OPA sobre o ACT, aplica o pagamento e ponto.

 

- TABELA DE AJUDAS DE CUSTO

 

A EDP depois de uma permanente insistência por parte do SINOVAE, em querer negociar a tabela de ajudas de custo, conforme consta no ACT, e após 9 anos sem qualquer alteração da mesma, eis senão quando aplica mais uma OPA à sua maneira, fez publicar uma tabela de ajudas de custo com alterações, que ficam aquém do razoável após 9 anos sem alterações.

 

 

- BENEFÍCIO DE ENERGIA ELÉCTRICA

 

Em conluio com as Finanças, e num jogo do empurra, a EDP permite e aplica a dupla tributação do benefício da energia eléctrica, aqui verifica-se uma OPA mista entre governo e EDP.

 

Só há uma solução, que o SINOVAE já propôs há muitos meses, é o desconto comercial sobre o montante do benefício a que os trabalhadores tiverem direito e acaba-se com duplas tributações.

 

- SAÚDE

 

A EDP solicitou que apresentássemos propostas para melhorar o sistema de saúde/Sãvida, os trabalhadores do Flex, que na reforma não terão qualquer apoio dos seus Seguros de saúde, a Empresa pretende que continuem à parte, nós entendemos que devem ser já chamados a este processo.

 

Mas também nos apercebemos, que a EDP apenas quer fazer uns pensos muito rápidos na Saúde, nós vamos apresentar um conjunto muito vasto de propostas ao Anexo VIII do ACT, para evitar mais uma OPA, que a EDP também prepara.

 

São mais do que justificáveis todas estas nossas preocupações, com uma autêntica OPA da EDP ao ACT, pois ela pode favorecer condições, que devem ser blindadas numa outra OPA, ou seja, devem ser blindados direitos e garantias dos trabalhadores da EDP, e esta actuação da Empresa, em nada favorece essa importante parte do Capital da EDP, que é o seu Capital HUMANO.

 

A EDP ainda está a tempo de alterar a situação, e com os Sindicatos estabelecer um verdadeiro diálogo social e uma Concertação Social, que garanta aos seus trabalhadores e ao povo Português uma salvaguarda dos interesses nacionais.

 

OPA DE ACCIONISTAS CHINESES À EDP

 

A EDP através do seu Administrador, Eng. Miguel Setas, informou-nos dos dados já conhecidos, e que são do domínio público, nada mais havendo a acrescentar ao já conhecido.

 

Próxima Reunião dia 20.6.18, para abordar o tema da Saúde na EDP e certamente outras matérias do ACT.

 

6.6.18                                                                                                                          A Direcção.

 

--------------------------------------

 

Sobre a mesma reunião plenária do dia 06.06.2018,

vejamos agora a "reacção" de outros parceiros sindicais:

 

Sindel.OPA.png

 

SIEAP.OPA.png

Sinergia.OPA.png

 

Fiequimetal.Opa.png

 

 

Reacçoes.png

 

  (copiado da pagina do facebook de Comunidade EDP)

Opa.edp.png

 Como não aconteceu o "milagre da CMVM",

aguarda-se que aconteça o "milagre ERSE".

(Fernando Pêgas - 05-06-2018 11:34)

 

------------------------------------------------------

 

FINALMEMTE UM POUCO DE RESPEITO

(Calçadasntos Santos - 05-06-2018 14:29)

 

------------------------------------------------------

 

esperamos que os sindicatos defendam os direitos

dos trabalhadores, reformados e pré-reformados

(Fernando Rito - 05-06-2018 15:52)

 

------------------------------------------------------

 

 Espero que não façam á nossa empresa o que fizeram á PT

(Anibal Pinto - 05-06-2018 21:39)

 

------------------------------------------------------

 

Não é legal, terá que participar também a

Estrutura Representativa dos Trabalhadores.

(Fernando Manuel Rodrigues - 06-06-2018 22:12)

 

------------------------------------------------------

 

Há na natureza as plantas parasitas

que sobem enroscadas no tronco das árvores

e se alimentam do esforço delas,

também no seio dos trabalhadores,

há aqueles que nada fazem para defender os seus direitos,

mas gostam de auferir os resultados dos que por eles lutam,

são igualmente parasitas no seio dos trabalhadores.

(Americo Castro - 07-06-2018 12:16)

 

------------------------------------------------------

------------------------------------------------------

 

(copiado da pagina do facebook de Comunidade EDP)

OPA EDP ACT.png

Está na hora do "resgate" do Anexo VIII

(o da Saúde) do ACT/EDP 2014.

(Fernando Pêgas - 07-06-2018 13:21)

 

------------------------------------------------------

 

Vá actualizando a informação p.f.

(Fernando Caldas Vieira - 07-06-2018 13:25)

 

------------------------------------------------------

 

Colega tirar as mão do bolso e não a dormecer

estou com Tigo sempre c poder informar comprimentos

(Nelson Andrade - 07-06-2018 14:05)

 

------------------------------------------------------

 

Está a chegar a hora da discussão do Anexo VIII

(o anexo relativo à saude).

Pois, no proximo dia 20, está prevista a Reunião Plenária,

para o arranque das negociações.

A EDP e as Frentes da CGTP e da UGT "apenas" querem apresentar

propostas de melhoria de um Sistema de Saúde e de uma Gestão da Sãvida

que por "erros de estratégia" está a maltratar cerca de cinquenta mil beneficiários

(entre trabalhadores, reformados, pensionistas e respectivos agregados familiares).

do referido Anexo VII do ACT/EDP.

A actual "representatividade" sindical, com assento na Mesa das Negociações,

não está unida, nem dialoga entre si.

E, que tem vindo a "facilitar" os propósitos dos parceiros patronais.

Com todo este cenario, importa haver a "CORAGEM" da criação

de um movimento cívico em torno de uma "causa" (ou seja, a nossa saúde)

que é transversal a trabalhadores, reformados e pensionistas do Grupo EDP.

E que não se "contente" apenas com propostas de melhoria.

Há que gerar "disponibilidades" para atacar a problemática da "Saúde"

de frente e sem medos ou fobias.

Em suma, está na hora, de o ANEXO VIII DO ACT/EDP

ser simplesmente "RESGATADO" !!

(Fernando Pêgas - 07-06-2018 15:22)

 

------------------------------------------------------

 

Acho oportuno esclarecer que,

a sugestão de criação de um Movimento Cívico,

designadamente com a sua "Força Social"

assente nos Reformados e Pensionistas EDP,

tem a haver com a preocupação resultante do facto

de a Comissão Negociadora EDP (CN/EDP),

muito recentemente

(no ambito da negociação do Subsidio de Estudo para Descendentes),

ter emitido "atestados de menoridade ou de pequenez",

aos parceiros sindicais não outorgantes do ACT/EDP 2014.

Inicialmente, não tinha acreditado,

mas ontem tive a "confirmação"

da enorme falta de respeito pelas "minorias".

(Fernando Pêgas - 07-06-2018 16:05)

 

------------------------------------------------------

------------------------------------------------------

 

(copiado da pagina do facebook de Comunidade EDP)

ParaQueSeConste.png

CONTINUA A "MARGINALIZAÇÃO" ... 
dos parceiros sindicais "não outorgantes" (do ACT/EDP 2014)

Depois dos parceiros sindicais, agora foi a vez dos parceiros patronais.

 

Parece que, as únicas propostas válidas,

são as da Frente Energia (CGTP) e da Frente Sindical (UGT).

 

As outras propostas,

as de iniciativa dos Sindicatos Independentes

e/ou dos parceiros sindicais "não outorgantes" (do ACT/EDP 2014)

não são para serem tidas em conta.

Como aconteceu, no ambito da Tabela de Ajudas de Custo.

 

QUE "PAZ SOCIAL" É ESTA ? 
QUE "DIÁLOGO SOCIAL" É ESTE ?

(Fernando Pêgas - 07-06-2018 18:36)

 

------------------------------------------------------

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:12



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D